O Ensaio Venezuelano

O Ensaio Venezuelano

Seria bom nossa diplomacia lembrar que o trumpismo que vale hoje para a Venezuela, amanhã valerá para nós Eis o principal legado do quase primeiro mês de bolsonarismo: abandonamos o posto e a responsabilidade de liderança regional para cumprir o papel de coadjuvantes da política ditada pelos interesses e conveniências da estratégia de guerra dos […]

Veja mais

O porão está no alto

O porão está no alto

Ameaça de guerra, dominação interna e submissão externa: na nova doutrina de lesa-pátria, o pior não pode ser descartado O Exército brasileiro, coerente com sua história, capturou o poder civil, sobre o qual sempre exerceu preeminência, e ao mesmo tempo foi capturado pela estratégia militar dos EUA, que, ainda sob o comando de Donald Trump, […]

Veja mais

O novo tempo dos monstros

O novo tempo dos monstros

Gramsci define o  ciclo de tragédias que nascia com a primeira grande guerra como o “tempo dos monstros”:  o velho mundo agonizava, mas  o novo ainda lutava para nascer. Esse transe dolorido parece estar de volta, mas quem se mostra ferido de morte é o novo, com o retorno  imperial do passado, numa tentativa de […]

Veja mais

Os 50 anos do AI-5 e a farsa presente em todos os golpes

Os 50 anos do AI-5 e a farsa presente em todos os golpes

Há exatos cinquenta anos era editado o Ato Institucional nº 5, o que nos enseja o inventário de suas mazelas, e jamais será demasiado lembrá-lo (para esmiuçá-lo), especialmente quando estamos no limiar de um governo de extrema-direita. Trata-se, aliás, e eis mais um tema à espera dos analistas, de uma extrema-direita especialíssima. Se não descarta […]

Veja mais

O governo é delas

O governo é delas

É de bom conselho não tomar a realidade pela sua aparência, nem confundir os movimentos tectônicos com as marolas que se quebram na praia. Se o pessimismo pode levar ao niilismo inconsequente e irresponsável, o otimismo panglossiano é o caminho mais curto para o suicídio político. Tampouco recomenda-se menosprezar a ameaça do adversário no intuito de […]

Veja mais

O Brasil não pode virar uma província talibã

O Brasil não pode virar uma província talibã

O governo do capitão Messias ameaça mergulhar-nos de corpo inteiro em regressão mais profunda do que aquela que parece acometer o mundo ocidental sob o comando de Trump, seu grande ídolo e inspirador, depois do cel. Brilhante Ustra, o facínora. Se realizar o prometido, assistiremos a cenas dignas dos fanáticos do Estado Islâmico. Reviveremos situações registradas sob o nazifascismo. Experimentaremos […]

Veja mais

A nova cara da ditadura brasileira

A nova cara da ditadura brasileira

Do golpe continuado (fato objetivo à espera dos cientistas políticos) caminhamos para a ditadura de novo tipo, aquela que, para exercer-se, não carece de um novo direito. Impera com o direito que encontra. Este, no entanto, torna-se maleável, à mercê da interpretação política do poder judiciário, sempre atento aos humores do Príncipe que tanto pode […]

Veja mais

O avanço do atraso e o desafio das esquerdas

Reproduzimos artigo de Roberto Amaral publicado na Carta Capital on-line no dia 4 de novembro de 2016. A questão de ontem é a de hoje: Frente Ampla para enfrenar a extrema-direita Para enfrentar a direita, é preciso lucidez doutrinária, coragem política e eficiência organizativa. As frentes Brasil Popular e a Povo sem Medo promoveram a […]

Veja mais
// // // //
Visitantes Únicos: